Reputação e expectativas?

Qual a opinião que as pessoas têm dos enfermeiros?  Isto a propósito dum “estudo” publicado no “Renascenfermagem

Responsáveis?
Confiáveis?
Competentes?
Que adjectivos utilizam para caracterizar um enfermeiro?
São os que interessam para valorizar socialmente e economicamente a classe ou apenas engrandecem o ego e  o sentirmo-nos “pessoas de bem”?
Nós sabemos o que é um enfermeiro competente mas o que esperam as pessoas dos enfermeiros?
O que espera um gestor?
O que espera outro enfermeiro?
O que espera um médico?
O que espera um familiar?
O que espera um utente?
O que espera um político?
Anúncios

2 thoughts on “Reputação e expectativas?

  1. Concordo com o seu comentário.A meu ver, de facto, tem existido uma melhoria no reconhecimento do papel social do enfermeiro e da sua importância para a população. No entanto, temo que brevemente se percam ou se confundam algumas percepções por parte dos utentes fruto da multiplicação progressiva de profissionais técnicos que mais cedo ou mais tarde serão uma espécie de enfermeiro-mais-ou-menos(nomeadamente os preconizados pela Portaria n.º 1041/2010 de 7 de Outubro).Não se trata de sentir uma ameaça de quem será sempre um profissional dependente de nós, mas parece-me que é preciso reflectir com muita ponderação se o cerne do problema não é a falta de enfermeiros nos diferentes contextos em vez de investir, impulsivamente, na formação de profissionais que nada vêm acrescentar, pelo contrário.Como sabemos a literacia em saúde acaba por promover aquilo que pode ser a confusão do papel e da imagem social do enfermeiro com outros que embora não o sendo, no futuro, talvez pareça que o são.Parece que o passado se irá repetir:"A Enfermagem em Portugal foi estratificada em enfermeiras e auxiliares de enfermagem. Para tal, foi definido que para realizar o curso de auxiliar de enfermagem os requisitos deveriam ser a 4ºclasse, em que o curso teria a duração de um ano e seriam ministrados conhecimentos essencialmente do foro prático. Enquanto que para a realização do curso de enfermeira seria necessário o 2º ano do liceu (9ºano), em que o curso teria 2 anos de duração e seria destinado à formação intelectual bem como o treino da supervisão do trabalho prático. Surgiu, portanto, um novo modelo profissional que comportava uma marcada hierarquização do grupo profissional. É de frisar que com a introdução dos auxiliares de enfermagem, que consistia numa solução baratas pois intensificava-se a formação de pessoal menos habilitado com cursos mais breves, conduziu a uma desqualificação do corpo da Enfermagem.Nos anos 70, a maioria dos prestadores de cuidados de enfermagem eram auxiliares de enfermagem que iam substituindo na prática os enfermeiros sem as necessárias contrapartidas, o que acabou por originar um movimento reivindicativo."…e no fim foram todos enfermeiros!A Enfermagem deverá passar de uma lógica braçal a uma lógica conceptual, mas a que custo?

  2. A imagem que os utentes em geral têm sobre os enfermeiros está a mudar com o passar dos tempos, facto que se justifica também pelo aumento de conhecimentos e formação dos enfermeiros de hoje em dia. Com o contacto diário com os utentes, consigo perceber que o tempo que permanecem internados altera as suas expectativas e noção de importância do enfermeiro na prestação de cuidados de saúde. Cada vez mais se apercebem de que é o enfermeiro que actua, que está sempre presente, que a passagem de informação entre a equipa de enfermagem é muito eficaz e que possuimos conhecimentos e autonomia suficientes.Este processo é algo moroso, mas penso que estamos no bom caminho.

Sem censura... mas sem ilegalidade e acima de tudo com o sentido de responsabilidade. Opiniões contrárias não são só aceitáveis... são desejáveis... mas for favor identifique-se, nem que seja com pseudónimo

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s