Andamos a brincar com a tropa?

Aí está. A Próxima Grande Ideia.

Uma câmara de infravermelhos que identifica a temperatura corporal e, através disso, identifica úlceras de pressão mesmo antes de ficarem visíveis a olho nu. Até aqui, tudo bem. Caíram-me os queixos. Fiquei espantado com tão boa ideia! Parabéns ao António Silva, aluno de engenharia da Universidade do Porto! Mesmo.

http://www.thenextbigidea.pt/ideias/episodio/termonitor

Basta verem o vídeo, rápido, acessível e que transmite uma boa possibilidade de negócio. Depois, ficamos a saber os factos: uma úlcera de pressão custa ao País 1500 euros por PESSOA e cerca de 200 a 300 MILHÕES DE EUROS POR ANO.

Sim. Um rombo autêntico. Uma bestialidade. Maior que esta, só mesmo o profissional de saúde que fala sobre a problemática em causa: outro aluno, desta vez de medicina da Universidade do Porto. MAS PORQUÊ?

Os mais distraídos poderão dizer… “ah ele é médico, faz parte das funções dele“. Não faz não.
ah as faculdades estão próximas umas das outras e eles tiveram a ideia” Pois está bem….

A Bestialidade é mesmo ser um médico a vir falar de uma área que é da exclusiva competência de outro grupo profissional na saúde: os enfermeiros. O QUÊ? ALGUM DIA? COMO É POSSÍVEL.

É possíve, todos os dias, comprovar que:

São enfermeiros os que todos os dias trabalham no seu espectro de acção, autónomo, na prevenção de úlceras de pressão.

São enfermeiros aqueles que fazem os pensos e cicatrizam as ditas feridas, havendo prescrição médica em apenas 5% dos casos.

São enfermeiros que escolhem os materiais para as instituições, no sentido de prevenir as ditas úlceras (colchões, assentos de silicone, camas articuladas, materail de pensos e afins).

São os enfermeiros que avaliam as condições (ou falta delas) que os utentes têm no domicilio para poder tratar aquela úlcera.

São os enfermeiros que despistam complicações resultantes destas feridas (especialmente quando se tornam crónicas).

Por último, têm sido os enfermeiros a desenvolver o grosso de pesquisa científica, rigorosa, detalhada e altamente generalizada em todos os locais de trabalho, que permitem evidentes ganhos em saúde e poupança monetária. São eles que, em última instância, constroem e validam escalas que avaliam o risco de desenvolver úlceras de pressão.

A Escala de Braden foi desenvolvida por Bárbara Braden e Nancy Bergstrom (http://www.bradenscale.com/about%20us.htm) e ajuda milhões de enfermeiros e outros profissionais de saúde a identificar o risco de desenvolver úlceras e reflectir sobre que medidas devem ser tomadas em função do risco diagnosticado. AS DUAS AUTORAS SÃO ENFERMEIRAS.

Não venham, por isso, colocar médicos a recolher os louros pelo trabalho de enfermeiros. Senhoras e senhores, somos NÓS ENFERMEIROS que ajudamos a diminuir o fardo dos 300 M€ ANUAIS. Somos NÓS que identificamos o risco e atuamos de imediato. E quem diz aqui, nas úlceras de pressão, diz em muitos outros aspectos da sua saúde!!!

Não são só 300 M€, o trabalho dos ENFERMEIROS POUPA AO SNS MILHARES DE MILHÕES DE EUROS!

Só falta dizer uma coisa: onde estavam os enfermeiros na hora de desenvolver este projecto? E onde estavam quando fizeram o vídeo? Ok… Não estavam? Não sabiam? É sinal que precisamos de trilhar o caminho da inovação, negócio e empreendedorismo.

MAS ONDE ESTÃO OS ENFERMEIROS DEPOIS DESTE VÍDEO TER SAÍDO? ESTAMOS à ESPERA DO QUÊ????



NOTA: O Blogue Saúde em Portugal é candidato a melhor blogue no concurso promovido pelo AVENTAR. Pode votar seguindo este LINK ( está quase no final da página, na categoria Saúde)

Anúncios

One thought on “Andamos a brincar com a tropa?

  1. Na minha opinião pessoal esta tecnologia não é custo efectiva e portanto será um investimento desnecessário. O custo do aparelho, o tempo dedicado à avaliação da imagem e a errada prioridade dada à detecção de úlceras de pressão grau I em detrimento da prevenção ( que se consegue maioritariamente com evicção de períodos prolongados da posição do corpo)… leva-me a dizer que é algo completamente desnecessário.

Sem censura... mas sem ilegalidade e acima de tudo com o sentido de responsabilidade. Opiniões contrárias não são só aceitáveis... são desejáveis... mas for favor identifique-se, nem que seja com pseudónimo

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s